sexta-feira, 4 de abril de 2014

A Rainha do Pendant #95

Esta sou eu armada em princesa do folk.
Este vestido da Mango é tão velhinho, tão velhinho que já foi tendência, deixou de o ser e deixou de me servir e já voltou a ser tendência e a servir-me outra vez.
Não é o modelo que mais me favorece (corte muito subido para quem tem muito peito e que também evidencia a barriga), mas é colorido, leve, quente (tem caxemira e sente-se no toque), confortável e traz-me boas recordações.
Se existe o conceito de confort food, também devia existir o conceito de confort clothes, não acham?
Quem não tem uma camisola larga e velha mas que adora?
Seja como for, este vestido marcou um dia feliz, um almoço de amigas num dia sem chuva.
(ignorem o casaco cheio de pelos brancos transferidos pela camisola da amiga)
A bijuteria comprei há muito tempo na Sfera e que me lembre só a tinha usado uma outra vez (aqui), mas gosto do estilo hippie chic e das cores.
E gosto muito do meu cabelo, que está comprido e que à primeira vista parece preto, mas que depois tem estes reflexos violino.
(na verdade o meu cabelo é castanho, mas o enteaneto diz que gosta mais do meu cabelo do que do da avó, que é loura, porque é preto como o dele ♥)
E por falar em cabelo, podem chamar-me tendenciosa mas não mentirosa, já fizeram like no facebook da melhor cabeleireira (e amiga) do mundo?

5 comentários :

  1. Gostei do conceito de confort clothes, é tão vedade :)

    ResponderEliminar
  2. Linda! adoro os tons do vestido! Ahh confort clothes, que não tem?

    ResponderEliminar
  3. confort clothes ou como eu chamo, a roupa do fim de semana ;) O cabelo está lindo. Bom fim de semana. Beijinho*

    ResponderEliminar
  4. trate mas é da pele....

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada pelo conselho, fico mesmo sensibilizada com a preocupação que demonstra ter para comigo, ainda há gente boa no mundo.
      Deixe-me retribuir de forma igualmente generosa: trate da vista, as reticências são só 3 pontos, não 4.

      Eliminar

Obrigada pelo comentário ☺