quarta-feira, 6 de fevereiro de 2013

amo-te fevereiro 5 # we are the world



Em 1985 Michael Jackson e Lionel Richie compuseram esta canção e gerou-se o maior movimento solidário   até então visto.
O engraçado é que somos capazes de mover mundos para combater a fome em África ou as vítimas dum tsunami na Ásia, mas tendemos a ignorar quem passa por dificuldades mesmo ao nosso lado.
Eu sou da opinião que se deve ensinar a pescar em vez de se dar o peixe de bandeja, mas o problema é que andamos todos à deriva em mar alto e o peixe não vem.
E como estamos todos no mesmo barco, nesta gigantesca arca de noé que se tornou o nosso país, que mete água por todos os lados e parece ter o mesmo fado que o Titanic, é chegada a hora de ajudar.
A Turista Acidental e a Belle du Jour têm falado do assunto e têm tido algumas iniciativas, aliás, está um leilão a decorrer no blog d'A Turista Acidental até dia 9, passem por lá e licitem.

We are the ones who make a brighter day so let's start giving...



4 comentários :

  1. Querida Teresinha, tens razão: por vezes somos mais solidários com quem está longe e sofre, do que com quem nos é muito mais próximo do coração e/ou geograficamente.
    Vamos lá ajudar todos e os nossos amigos! :)

    ResponderEliminar
  2. Também me parece que as pessoas tendem a olhar para o infinito e mais além e a ajudar mais depressa do que a olhar e a ajudar quem está mesmo ali ao lado...

    ResponderEliminar

Obrigada pelo comentário ☺