segunda-feira, 21 de novembro de 2011

dietas

Detesto não sair para almoçar.
Preciso deste break, de me sentar a comer, de conversar, de dar uma volta.
E tenho com Lady Sof uma parceria firmada.
Levamos o dia juntas no mesmo gabinete e almoçamos juntas, mas resulta bem.
E não comemos mal.
Ao fim de seis anos por aqui, já sabemos onde encontrar locais em conta e com boa confecção e variedade.
Cada vez tenho mais colegas a trazer almoço de casa, mas a mim, não sair do escritório o dia todo, causa-me neurose.
Talvez por antes deste emprego sempre ter trabalhado em Lisboa, muito próxima de centros nevrálgicos da cidade.
Como eu não cozinho em casa, tento jantar iogurte com cereais e fruta ou o meu peso dispara, os cerca de 6€ diários que gasto ao almoço não me ficam mais caros que ter de comprar arroz, azeite, cebolas, feijão, batatas, etc.
Tudo só para um.
E não, não tenho mãe para me encher o tupperware.
Ela pensa como eu, para quê fazer se podemos comprar feito?...
Mas eu já cozinhei todos os dias e era perita em planear refeições e em aproveitar restos.
Agora deixo isso para pessoas como a Marianne.
Acho uma óptima medida economicista levar almoço de casa.
Just not for me right now...

1 comentário :

Obrigada pelo comentário ☺